Ambiente de Testes

Última atualização: | Ver Documentação completa

Nota: A versão em Inglês foi atualizada desde a última tradução desta página. () Visualizar em Inglês

Recomendamos fortemente que sejam feitos testes em nosso ambiente de testes antes de usar nosso ambiente de produção. Isso permite que você entenda todo o processo antes de emitir certificados confiáveis e reduz a chance de você esbarrar em nosso limites de requisições.

A URL ACME do nosso ambiente de testes ACME v2 (Inglês) é:

https://acme-staging-v02.api.letsencrypt.org/directory

Se você estiver usando o Certbot, pode acessar nosso ambiente de testes com o parâmetro --dry-run. Para outros clientes ACME consulte os respectivos manuais para obter informações sobre testes em nosso ambiente de teste. Note que o ambiente de testes v2 requer um cliente ACME v2 compatível.

Limites de Requisições

O ambiente de testes usa os mesmos limites descritos para o ambiente de produção com as seguintes exceções:

Certificado Raiz

O certificado intermediário do ambiente de testes (“Fake LE Intermediate X1”) é emitido por um certificado raiz que não está presente nos trust stores de navegadores/clientes. Se você quiser modificar um cliente exclusivo para testes para que ele confie no ambiente de testes você pode adicionar o certificado “Fake LE Root X1” ao trust store do seu cliente. Importante: Não adicione os certificados raiz e intermediários do ambiente de testes em navegadores que você usa para navegação comum da web, porque eles não são auditados nem mantêm o mesmo padrão de segurança que nossas raízes de produção, portanto não são seguros para uso em nada além de testes.

Transparência de Certificado

O ambiente de testes envia os pré-certificados para os registros TC do Google testtube e retorna SCTs nos certificados emitidos.